segunda-feira , 18 março 2019
Capa » Mercado & Negócios » Eli Lilly acerta a compra da rival Loxo Oncology por US$ 8 bilhões

Eli Lilly acerta a compra da rival Loxo Oncology por US$ 8 bilhões

O laboratório farmacêutico americano Eli Lilly acertou a compra da rival Loxo Oncology, de menor escala, por US$ 8 bilhões, em mais um negócio na onda de fusões do setor vista nos últimos meses. A transação vai aumentar sua carteira de produtos contra o câncer.

Pelas condições do acordo, os acionistas da Loxo vão receber US$ 235 por ação, 68% a mais do que o preço de fechamento dos papéis em 4 de janeiro, refletindo o alto valor sendo pago pelas empresas do setor de oncologia.

Os grandes laboratórios farmacêuticos entraram em uma onda de fusões nos últimos meses em busca de mais medicamentos contra o câncer, já que buscam reforçar suas linhas de produtos em desenvolvimento antes de perder a proteção de patente de uma série de remédios de altas vendas para tratamentos da doença.

Na semana passada, a Bristol-Myers Squibb acertou a compra da empresa de biotecnologia Celgene, que tem uma grande carteira de drogas contra o câncer, por US$ 90 bilhões. A GlaxoSmithKline, por sua vez, comprou a Tesoro, também com foco na oncologia, por US$ 5,1 bilhões.

A Eli Lilly está empenhada em ampliar sua linha de produtos em desenvolvimento contra o câncer. A Loxo tem foco em medicamentos para pacientes com cânceres definidos genomicamente.

“Usar medicamentos personalizados para atacar tumores-chave proporciona uma abordagem cada vez mais forte para o tratamento do câncer”, disse Daniel Skovronsky, diretor científico da Eli Lilly.

“O portfólio da Loxo Oncology de […] inibidores direcionados especificamente para os pacientes com mutações ou fusões nesses genes, em combinação com diagnósticos avançados que permitem saber exatamente que pacientes podem se beneficiar, cria novas oportunidades para melhorar as vidas das pessoas com cânceres avançados”, acrescentou.

O negócio foi anunciado antes da conferência JPMorgan Healthcare, em San Francisco, encontro do setor onde muitos negócios são promovidos no início de cada ano.

O Deutsche Bank foi o assessor financeiro único da Eli Lilly, que teve como consultor jurídico a Weil, Gotshal & Manges. O Goldman Sachs e a banca de advocacia Fenwick & West trabalharam para a Loxo.

Fonte: Valor Econômico

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*