sábado , 7 dezembro 2019
Capa » Profissionais gestores

Profissionais gestores

CFF aprova resolução que dispõe sobre a regulamentação dos cursos livres de formação complementar

O plenário do Conselho Federal de Farmácia (CFF) reunido em sua 485ª reunião ordinária, em Brasília (DF), aprovou hoje (29.08) a resolução que dispõe sobre a regulamentação dos cursos livres de formação complementar, presenciais e que não compreendam pós-graduação Lato e Stricto Sensu, a serem credenciados pelo CFF.

O credenciamento de cursos livres para formação complementar deverá, entre outros requisitos, ser ofertado por sociedade, organização, associação ou outra instituição de natureza científica, técnica ou profissional que congregue farmacêuticos; ou ser ofertado por instituição educacional que desenvolva competências no âmbito profissional farmacêutico.

“É grande o número de farmacêuticos que busca, nos Conselhos Regionais, o apostilamento de cursos livres já concluídos, mas até o momento não existia regulamentação permitindo tal procedimento. Considerando que os conselhos são importantes agentes reguladores é urgente a regulamentação do credenciamento de tais cursos”, comentou o Secretário Geral do CFF, Erlandson Uchoa.

A resolução deve ser publicada, em breve, no Diário Oficial da União (DOU).

Fonte: CFF

Novartis anuncia novo CEO no Brasil

A farmacêutica Novartis anuncia Alexandre Gibim como novo CEO no Brasil. O executivo assume a liderança do grupo e chega com a missão de potencializar as oportunidades do negócio, com o lançamento de cerca de 50 produtos nos próximos cinco anos, ampliar o acesso a medicamentos inovadores e trabalhar para criar um ambiente de colaboração entre os vários negócios da companhia no Brasil. Leia Mais »

O CRF-SP é contrário ao Projeto de Lei que autoriza supermercados a comercializarem medicamentos

O CRF-SP divulgou em seu site e nas mídias sociais ser totalmente contrário ao Projeto de Lei 9.482/2018 que autoriza supermercados e estabelecimentos similares a comercializarem medicamentos isentos de prescrição. Segundo afirma, a proposição do deputado federal Ronaldo Martins (PRB/CE), apresentada no dia 06 de fevereiro, que propõe alteração na Lei nº 5.991/73, é totalmente descabida. A promoção do uso racional de medicamentos passa pela supervisão do farmacêutico, profissional fundamental no papel de orientação em saúde da população. Medicamento não é mercadoria e não pode ser adquirido em qualquer ambiente e sem as devidas informações. Por isso o CRF-SP se manifesta totalmente contra essa proposta e convida os farmacêuticos a também se pronunciarem contrários ao PL 9.482/2018. Leia Mais »

Negócios de Nutrição e Saúde da BASF têm novo comando

Joana Yamazaki assumiu a diretoria de Nutrição e Saúde para a América Latina da BASF, que engloba os negócios de Nutrição Animal, Nutrição Humana, Farma e Ingredientes Aromáticos. Leia Mais »

Fale com os gestores