quarta-feira , 20 março 2019
Capa » Mercado & Negócios » CM Tecnologia chega ao mercado para melhorar a jornada de pacientes de hospitais e laboratórios

CM Tecnologia chega ao mercado para melhorar a jornada de pacientes de hospitais e laboratórios

Com mais de 1400 clientes, entre eles, os principais players do setor, startup health tech cria soluções de baixo custo e alta efetividade

São Paulo, março de 2019 – Criar um aplicativo ou software que facilitasse esse processo de marcação e cancelamento de consulta/exames. Foi com esse objetivo que Fernando Soares, empreendedor, desenvolveu a CM Tecnologia, startup health tech que visa aprimorar o dia a dia de pacientes em hospitais, clínicas e laboratórios.

A ideia surgiu quando Fernando precisou desmarcar uma consulta, em 2012, e se deparou com uma dificuldade: não tinha o telefone ou site do médico – a marcação tinha sido feita pelo site do convênio direto. Enxergando uma oportunidade, Soares apostou no mercado de tecnologias voltadas para saúde.

O primeiro passo para o morador de Belo Horizonte foi procurar conhecidos que trabalhavam com TI e, com aporte de R$ 60 mil de economias, Soares, junto de seus sócios na época, criaram o primeiro produto: o Central de Marcação, negociado por meio da CM Tecnologia (sigla do principal e, à época, único produto da empresa) de agendamento online para os pacientes.

Prometendo diminuir a longa espera no atendimento, alta rotatividade de pessoal, elevados custos com call center, sobrecarga nas centrais de marcação, grande taxa de não comparecimento e dificuldades em validar procedimentos, a solução da CM Tecnologia teve adesão instantânea do mercado, sendo, os primeiros clientes, o Hospital Mater Dei e Axial Medicina Diagnóstica, ambos referência em Belo Horizonte, onde a startup é sediada.

“Já nesse lançamento, vimos que conseguíamos ajudar, e muito, a experiência do usuário, além de melhorar os indicadores de atendimento e eficiência das instituições. Desde então, focamos nesses tipos de módulos, que compõem a Jornada do Paciente, nos transformando na única empresa de TI do país especialista nesses serviços”, pontua o CEO da CM Tecnologia, Fernando Soares.

Entre os clientes, a startup de health tech presta serviços a hospitais, clínicas e laboratórios, de todos os tamanhos e em todo o Brasil, com linhas de soluções que oferecem opções para lidar e contornar as perdas causadas por falhas no processo de agendamento de exames e consultas.

De funcionamento simples e sem a necessidade de um operador, os sistemas da CM Tecnologia são menos invasivos que uma ligação, reduzem a taxa de não comparecimento, têm baixo custo operacional, escalabilidade, taxa de 90% das mensagens de textos lidas três minutos após terem sido entregues, com índices médios de respostas de 40%. Junto a isso, por prezar pela segurança do cliente, a tecnologia é baseada no modelo de arquitetura de três camadas, que oferece uma proteção robusta de dados, impedindo acesso de terceiros.

Entre as opções, destaques para o CMO (agendamento online para o paciente); CMCall (Agendamento online para as atendentes); CMConfirma (Confirmação de presença para o paciente via Email/ SMS/ Whatsapp); CMValid (validação automática de elegibilidade e autorização de plano de saúde); CMCheckin (ferramenta de checkin semelhante a companhias aéreas); CMResult (resultados online no portal do paciente); CMCirg (sistema de agendamento cirúrgico online).

Atualmente, a empresa fechou 2018 com mais de 1400 clientes, sendo mais de 650 unidades de saúde, entre eles o Hospital Nove de Julho, Hospital São Camilo, Santa Casa de Misericórdia, (Porto Alegre/RS), Unimed, entre outros, além de plataformas integradas com grandes convênios médicos como, por exemplo, Amil, Bradesco Saúde, Golden Cross, Sulamérica Saúde e outros.

Para 2020, a meta é dobrar o número de atendidos. “A principal fonte de insights são os próprios clientes e pacientes, que ditam suas reais necessidades para melhorias. Estamos sempre conversando com ambos. Além disso, procuramos sempre saber o que empresas e startups estão fazendo no mercado de health dos EUA, Canadá, Europa e Israel. Essa pesquisa é fundamental para ficarmos antenados em possíveis oportunidades”, pontua Soares.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*