segunda-feira , 22 abril 2024
Capa » Artigos técnicos » NIP: o que é e como favorece o mercado de saúde?

NIP: o que é e como favorece o mercado de saúde?

*Por Kleber Nunes, diretor de inovação da TopDown 

Os planos de saúde são uma parte fundamental do sistema de assistência médica em muitos países, incluindo o Brasil. Eles oferecem aos beneficiários acesso a uma gama de serviços, permitindo a prevenção e o tratamento de doenças e, consequentemente, promovendo melhor qualidade de vida. No entanto, para que esse sistema funcione de maneira justa e eficaz para ambos os lados, é essencial seguir regulamentações e mecanismos de controle.  

Nesse contexto, a NIP (Notificação de Intermediação Preliminar) desempenha um papel crucial. Trata-se de um instrumento da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) que permite aos beneficiários formalizarem em plataformas on-line reclamações, denúncias e informações junto às operadoras, estimulando a resolução consensual de conflitos. Em outras palavras, atua como um intermediário, oferecendo uma maneira mais ágil e estruturada de lidar com questões que podem surgir ao longo da relação.  

Ou seja, a NIP não apenas simplifica a solução de impasses, como também permite que as empresas se retratem com os usuários antes de ocorrer possíveis processos administrativos ou judiciais. Para se ter uma ideia da importância desse mecanismo, hoje a Notificação de Intermediação Preliminar conta com percentuais de resolutividade acima dos 90%. Segundo dados da própria ANS, em 2022, alcançou a marca de 94%. Já no primeiro trimestre de 2023, o índice estava em 100%. 

Nesse sentido, a NIP ainda visa beneficiar a gestão das operadoras de saúde. Ao formalizar as reclamações e denúncias, os beneficiários tornam as instituições cientes de problemas e deficiências em seus serviços. Isso incentiva um melhor controle de qualidade e norteia benfeitorias mais assertivas, além do efetivo cumprimento de compromissos contratuais. 

Instituída há mais de dez anos, a Notificação de Intermediação Preliminar deve fazer parte do dia a dia das operadoras de planos de saúde. Hoje, inserida também no meio on-line, pode ser considerada até mesmo um reflexo da digitalização do mercado. Afinal, os avanços tecnológicos seguem em crescimento contínuo, proporcionando novos modelos de gestão e suprindo dores latentes em qualquer setor.  

Portanto, mais do que acelerar a resolução de contratempos e melhorar a experiência dos usuários, a NIP impacta a sinistralidade dos planos, a excelência dos serviços e a gestão financeira como um todo. 

Graças à era digital, o mercado já conta com soluções inovadoras para aperfeiçoar processos como esses e garantir a eficiência das operações. Ao investir em saúde digital, é possível impactar todo o ecossistema e a própria sociedade.  

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

× Fale com os gestores