segunda-feira , 24 setembro 2018
Capa » Notícias » Vacinação infantil é eficaz na prevenção de alergias e doenças

Vacinação infantil é eficaz na prevenção de alergias e doenças

Imanização previne doenças como pneumonia, coqueluxe e gripe, além de ser eficaz no tratamento de diversos tipos de alergias.

Atualmente, cerca de 30% da população brasileira sofre com algum tipo de alergia. Já as doenças respiratórias acometem 50% dos brasileiros. Em ambos os casos, a vacinação é importante aliada. As vacinas atuam no fortalecimento do sistema imunológico, e são indicadas na prevenção e tratamento dessas e de inúmeras outras doenças.

Na infância, é possível prevenir, por meio da imunização, doenças como pneumonia, coqueluche, gripe, epiglotite e formas invasivas de tuberculose. Para bebês prematuros ou crianças com doenças cardíacas e pulmonares, há também a vacina para prevenção contra a bronquiolite.

Para o caso da gripe, também conhecida como influenza,  crianças com até dois anos de idade estão entre os grupos prioritários da vacina, sendo indispensável a imunização nessa faixa etária.

O pneumologista e alergista José Roberto Zimmerman, Diretor da Clínica da Alergo ar, é enfático quanto à importância da vacina contra a gripe para as crianças. Ele explica que a doença provoca diversas alterações imunológicas, inclusive a inibição da formação de anticorpos. Por isso, ela predispõe a outras doenças.

“A gripe causa uma queda do estado geral e da imunidade. Isso possibilita que a pessoa desenvolva qualquer uma das infecções respiratórias altas, como a otite, a sinusite, a faringite e outras, além de infecções respiratórias baixas como a pneumonia. Isso ocorre principalmente nas faixas etárias extremas, como a das crianças com até dois anos de idade e dos adultos com mais de 60 anos”.

Zimmerman esclarece ainda que não há contraindicação das vacinas para casos como  prematuridade; resfriado; diarreia; uso de antibióticos; asma ou desnutrição. No caso de crianças que fazem uso de medicamentos ou possuem doenças crônicas, ele ressalta que é importante que os pais busquem orientação médica antes da vacinação.

Imunoterapia

Outra forma de utilizar as vacina para tratamento de problemas alérgicos, incluindo as alergias respiratórias, é a imunoterapia. O tratamento consiste na utilização do alérgeno ao qual o paciente é sensível em doses crescentes, por um período de tempo que varia entre 3 a 5 anos.

“A Organização Mundial de Saúde – reconhece a imunoterapia como forma de tratamento eficaz para casos de rinoconjutivite alérgica, asma atópica e reações alérgicas a picadas de insetos”, ressalta o diretor da Alergo ar.

 

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*