terça-feira , 22 outubro 2019
Capa » Notícias » Saúde cresce no país, mas falta integração entre público e privado

Saúde cresce no país, mas falta integração entre público e privado

Boletim Econômico da FEHOESP- Federação dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo apurou o crescimento do setor saúde em 2018 por meio da análise de dados estatísticos oficiais, mas o funcionamento do sistema de saúde é ineficiente por falta de maior integração entre os setores público e privado.

Em 2018 houve aumento no número de estabelecimentos de saúde, sensível crescimento na porcentagem de beneficiários de planos de saúde, crescimento de empregos no segmento e um considerável aumento de 26% na arrecadação do ICMS em produtos relacionados ao setor saúde. Estas conclusões fazem parte da quinta edição do Boletim Econômico da FEHOESP, que traz um balanço do que ocorreu com o setor no ano passado.

Na avaliação do presidente da FEHOESP, o médico Yussif Ali Mere Jr, os investimentos do setor privado na saúde vêm crescendo para suprir uma deficiência crônica da área pública. “Somam-se aos baixos investimentos do governo em saúde, a falta de integração entre os dois setores. Funcionam como dois segmentos independentes, causando desperdício e duplicidade de ações”, constata. O presidente da Federação dos Hospitais defende a necessidade de um sistema integrado, com parceria público-privada, melhor gestão e fiscalização.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Fale com os gestores