segunda-feira , 16 setembro 2019
Capa » Boas Práticas » Projeto da Prati-Donaduzzi orienta sobre descarte correto de medicamentos
Projeto da Prati-Donaduzzi orienta sobre descarte correto de medicamentos
Os estudantes receberam orientações sobre o descarte correto. Foto: Jéssica Dona

Projeto da Prati-Donaduzzi orienta sobre descarte correto de medicamentos

Como forma de incentivar o descarte correto de medicamentos vencidos ou em desuso, a Prati-Donaduzzi por meio do projeto Prati-Sustentável, realizou na terça-feira (27), uma ação com alunos da escola municipal Waldyr Luiz Becker, localizada no Jardim Fachini, em Toledo. 

A técnica ambiental Faneza de Oliveira, instrutora do Prati-Sustentável, explicou aos estudantes que as cartelas com sobras de comprimidos e vidros com restos de xaropes por exemplo devem ser encaminhadas para os pontos de coleta espalhados pela cidade. A maioria deles, está nas farmácias e também na própria indústria. Depois de receber as orientações, os alunos fizeram a separação dos materiais e o descarte adequado.

Segundo Faneza quando os resíduos são descartados no lixo comum ou o líquido derramado em ralos de pia, por exemplo, pode poluir o solo e a água, oferecendo risco para o meio ambiente e para saúde das pessoas.

A ação na escola envolveu cerca de 100 estudantes, do 4º ano do ensino fundamental. A estudante Andressa Moreira Cosmann, de nove anos, foi uma delas. Quando soube da atividade, mais que depressa, pediu aos pais para separar os medicamentos que poderiam ser jogados fora. “Separamos tudo o que estava vencido ou que não usávamos mais. Acho bem importante participar dessas ações que cuidam do meio ambiente”.

Professora há mais de cinco anos na escola, Cirlei Elizabete Gozzi Moreira, ressaltou a importância de trabalhar esse tema, pois muitas pessoas o desconhecem. “A preocupação com o descarte de medicamentos é um diferencial e uma atitude importantíssima. Essa atividade mostrou que ações simples podem ajudar o meio ambiente”.

O projeto

Faneza explicou que o objetivo do Prati-Sustentável é formar crianças mais comprometidas com a responsabilidade ambiental. “As crianças são grandes multiplicadoras. Precisamos delas nesta empreitada, pois levantamentos mostraram que uma grande parte dos consumidores finais jogam as sobras dos medicamentos no esgoto ou no lixo comum”, disse.

Além do trabalho sobre a destinação adequada de medicamentos, o projeto aborda temas como plantio de árvores, visitas técnicas em ambientes de preservação, entre outros.

“A cada tema que trabalhamos sempre pensamos em como isso pode impactar os estudantes. Queremos que se tornem adultos conscientes. Nessa ação em específico, asseguramos que o descarte aconteça de acordo com as normas vigentes evitando contaminações”.

Próxima ação

A próxima atividade do projeto está marcada para setembro com o tema “reflorestamento e propagação de mudas”. A ação será realizada no Florir Toledo, um projeto do munícipio de Toledo, que trabalha em uma das suas atividades, a especialização ambiental, como preparação de terra, germinação, transplante de mudas e ajardinamento.

Fonte: Prati-Donaduzzi

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*