quinta-feira , 22 outubro 2020
Capa » Notícias » Chega ao País teste inédito que diagnostica 22 patógenos respiratórios, de H1N1 a Sars-Cov-2

Chega ao País teste inédito que diagnostica 22 patógenos respiratórios, de H1N1 a Sars-Cov-2

Painéis moleculares multiplex, como o Biofire FilmArray, da bioMérieux, revolucionam o gerenciamento de pacientes, ao fornecer resultados em até 1 hora

São Paulo, outubro de 2020 – Tecnologias que possibilitam um diagnóstico abrangente e preciso tornaram-se ferramentas essenciais na gestão da saúde, tanto no setor público quanto no privado, em hospitais e laboratórios, uma vez que a aplicação da terapia correta evita o uso indiscriminado de antibióticos nos pacientes e, em alguns casos, ajuda a diminuir o tempo de internação, além de permitir decisões sobre a necessidade ou não de isolamento do paciente.

Atenta a esta importante demanda, a bioMérieux, empresa francesa líder mundial em diagnóstico in vitro, oferece no País o Sistema BioFire FilmArray RP2.1, que possibilita a análise de 22 patógenos respiratórios, entre vírus e bactérias, incluindo o novo vírus Sars-Cov-2, pela metodologia de PCR, em 45 minutos, a partir de uma amostra de swab nasofaríngeo. A tecnologia, que já estava disponível no Brasil em diversos laboratórios e hospitais, chega agora atualizada com a inclusão do Sars-Cov-2 no grupo dos patógenos pesquisados.

O Sistema BioFire FilmArray RP2.1 segue o conceito de diagnóstico sindrômico, em que, por meio de um único teste, é avaliado um agrupamento amplo de prováveis agentes patogênicos envolvidos em um sintoma, maximizando a chance de obter a resposta correta em um período de tempo clinicamente relevante, inclusive detectando coinfecções.

O uso de um painel tão abrangente deve contribuir com o diagnóstico de pacientes com Sars-Cov-2 e também de outros agentes causadores de infecções do trato respiratório, permitindo que os médicos tomem melhores decisões de isolamento e tratamento, pois, neste caso, outras causas dos sintomas observados também seriam avaliadas.

Como funciona 

O Sistema FilmArray RP2.1 foi desenvolvido pela BioFire, empresa do grupo bioMérieux, e utiliza a técnica de biologia molecular, porém não exige pessoas especializadas para o seu manuseio, nem ambiente de laboratório com estrutura para testes de Biologia Molecular.

Os painéis moleculares BioFire baseiam-se na captação simultânea de variados comprimentos de onda de fluorescência para os diversos alvos (vírus, bactérias, protozoários e genes de resistência) dentro de um sistema fechado e descartável.

O sistema inclui todos os componentes químicos necessários para a preparação da amostra e a PCR para identificação de vários agentes patogênicos relacionados a uma determinada síndrome. O resultado quanto à presença ou ausência do alvo é liberado em aproximadamente 1 hora e não é prejudicado pelo uso prévio de antibióticos.

O novo Painel BioFire FilmArray RP2.1 é único porque tem grande abrangência − diagnóstico de 22 patógenos −, com sensibilidade e especificidade acima de 98%.

 

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Fale com os gestores