segunda-feira , 24 setembro 2018
Capa » Home » Crescimento industrial deverá ser ainda maior em 2018
Crescimento industrial deverá ser ainda maior em 2018

Crescimento industrial deverá ser ainda maior em 2018

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgou no último dia 8 de fevereiro dados da análise referente ao crescimento industrial em 2017. Do total de 15 locais analisados pela Pesquisa Industrial Mensal de Produção Física (PIM-PF), 12 tiveram expansão no índice acumulado em 2017, que fechou o ano com crescimento de 2,5% na média nacional.

De acordo com a pesquisa, o destaque foi o estado do Pará com alta de 10,1%. Também registraram expansão na produção Santa Catarina (4,5%) e Paraná (4,4%), além de Rio de Janeiro (4,2%); Mato Grosso (3,9%); Goiás (3,7%); Amazonas (3,7%); Ceará (2,2%); Espírito Santo (1,7%); e Minas Gerais (1,5%). No Rio Grande do Sul, houve crescimento de 0,1%; São Paulo (3,4). Porém na Bahia foi registrado um recuo de atividade industrial (-1,7); Pernambuco (-0,9%) e região Nordeste com -0,5%.

Segundo o presidente da Agência Brasileira de desenvolvimento industrial (ABDI), Guto Ferreira, o momento é oportuno para o setor produtivo brasileiro investir em inovação e melhorar sua competitividade. A economia está ficando cada vez mais forte, e os brasileiros têm sentido isso. “A volta da confiança na economia é um fator fundamental, impulsionada pela inflação baixa e a redução dos juros”, afirma Ferreira.

Sobre a ABDI – Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial – ABDI surgiu no momento de retomada das políticas públicas de incentivo à indústria, em 2004, e se legitimou com órgão articulador dos diversos atores envolvidos na execução da política industrial brasileira.

Em mais de uma década de atuação, sob a supervisão do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, a ABDI é a única agência de inteligência do governo federal para o setor produtivo e oferece à indústria completa estrutura para a construção de agendas de ações setoriais e para os avanços no ambiente institucional, regulatório e de inovação no Brasil, por meio da produção de estudos conjunturais, estratégicos e tecnológicos.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*