quinta-feira , 26 maio 2022
Capa » Excelência Logística » Qualificando armadores e companhias aéreas
Qualificando armadores e companhias aéreas
Arquivo pessoal

Qualificando armadores e companhias aéreas

Por Jackson Campos*

Ir até lá e fazer a qualificação in loco sempre será a melhor saída, independentemente de qual seja o seu produto. Por este motivo que estive com meu time na Europa em abril deste ano para qualificar dois armadores e duas companhias aéreas para atender ao mercado farmacêutico, seguindo os mais altos padrões de qualidade e de boas práticas.

Algumas empresas reclamam que têm dificuldade em receber relatórios de qualificação ou relatórios dos monitores de temperaturas dos contêineres marítimos, e neste ponto, garanto que o problema é falta de conhecimento do agente de cargas, ou até do próprio armador, porque aqui para nós isso é muito corriqueiro e simples.

Conseguimos relatórios de qualificação de instalação, operação e performance de contêineres marítimos, temos acesso aos serviços pharma onde as companhias aéreas fazem controle de temperatura na origem, na pista do aeroporto (sim, na pista), dentro da aeronave, nas conexões e no destino, seja com serviço passivo ou ativo.

Oferecemos serviços de embalagem, precondicionamento, troca de gelo ou material refrigerante, data loggers simples e com solução de monitoramento em tempo real pela internet, courier internacional de amostras e pesquisa clínica, importação de produtos controlados e de todas as temperaturas, dispositivos médicos, assessoria aduaneira por performance e transporte internacional para mercado de saúde.

Por este motivo, não podemos ficar apenas na qualificação documental, então fomos a campo e verificamos com olhos bem abertos como são os processos, quais são os pontos contingência, como é o atendimento, se são mesmo especialistas ou não e fomos surpreendidos positivamente.

Existem companhias aéreas e armadores prontos para o mercado farmacêutico, existem os que estão tentando se preparar e existem os que estarão fora em breve por conta das novas regulamentações que entraram em vigor recentemente.

* Jackson Campos – Diretor de Mercado Farmacêutico e Relações Governamentais na AGL Cargo. Graduado em comércio exterior, pós graduando em gestão industrial farmacêutica e pós graduando em healthcare e supply chain.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale com os gestores