quinta-feira , 15 novembro 2018
Capa » Automação » Qualificação de Infraestrutura de T.I.

Qualificação de Infraestrutura de T.I.

Qualificar a infraestrutura de TI é garantir o estado de validado de um Sistema Computadorizado nas empresas reguladas. Uma vez em conformidade com o sistema regulatório, o estado de validado de uma infraestrutura de TI será mantido por documentos padronizados e atividades que envolvem a Garantia da Qualidade.

Além de garantir o estado de validado de um Sistema Computadorizado, qualificar a infraestrutura de TI reduz o tempo e custos de validação da aplicação, assegura elevado grau de integridade na manipulação de dados BPX relevantes e insere boas práticas de TI, que garante desempenho de acordo com normas internacionais, para que uma rede seja considerada confiável.

A Qualificação da infraestrutura seguindo o guia GAMP5

As vantagens em utilizar a metodologia GAMP

O uso do Guia GAMP como metodologia nas qualificações de infraestrutura traz vantagens como padronização da documentação, mínima ou nenhuma duplicação de informação em documentação e de atividades de qualificação.

A Qualificação da Infraestrutura de T.I. envolve fases que vão do Planejamento à Qualificação de Desempenho e relatório final.

Planejamento

Definição das ações para qualificar a infraestrutura de T.I.

A fase de planejamento contempla uma visão geral e detalhada do projeto, identificando as responsabilidades dos profissionais envolvidos com o departamento de T.I., bem como os documentos que serão emitidos para comprovar o estado de validado da infraestrutura.

Nessa fase, também é definida uma estratégia de abordagem por riscos, incluindo gerenciamento e mitigações das ocorrências que resultam em risco médio e alto e quais são as orientações dos órgãos reguladores para este tipo de qualificação.

No planejamento também são contempladas as fases de testes e procedimentos a serem elaborados.

Fases Q.I., Q.O. e Q.D.

Qualificar a Instalação, a Operação e o Desempenho da infraestrutura de T.I.

tecnologia da informaçãoO uso de uma Infraestrutura virtual de T.I. em ambiente regulado, para apoiar aplicações críticas exige a qualificação dessa infraestrutura. Com o levantamento do Cenário de Riscos é possível analisar pontos como disponibilidade, segurança e Integridade dos Dados.

Uma análise documentada do fornecedor garante, entre outros requisitos,procedimentos como backup e Disaster Recovery do banco de dados. Além disso, existem certificações do mercado que comprovam a qualidade e capacidade da infraestrutura em garantir a replicação de processos de abastecimento e energia, a segurança dos dados e a qualidade do serviço.

Clique aqui para mais informações sobre a Validação de Sistemas em Nuvem

Infraestrutura de T.I. em Nuvem

Qualificação de Infraestruturas para sistemas baseados em Cloud Computing

O uso de uma Infraestrutura virtual de T.I. em ambiente regulado, para apoiar aplicações críticas exige a qualificação dessa infraestrutura. Com o levantamento do Cenário de Riscos é possível analisar pontos como disponibilidade, segurança e Integridade dos Dados.

Uma análise documentada do fornecedor garante, entre outros requisitos,procedimentos como backup e Disaster Recovery do banco de dados. Além disso, existem certificações do mercado que comprovam a qualidade e capacidade da infraestrutura em garantir a replicação de processos de abastecimento e energia, a segurança dos dados e a qualidade do serviço.

Clique aqui para mais informações sobre a Validação de Sistemas em Nuvem.

Fonte: Five

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*